APLB mantém agenda de luta e disposição dos educadores de repor as...

APLB mantém agenda de luta e disposição dos educadores de repor as aulas

640
0
Aplb - Tv do Servidor
Movimento na Av. Garibaldi

APLB mantém agenda de luta e reafirma disposição dos educadores de repor as aulas

Os educadores da rede municipal de Salvador continuam firmes

na mobilização por melhores condições de trabalho e por uma

escola pública de qualidade, e mantêm a agenda da paralisação

de 48 horas, que acontece nesta quarta e quinta-feira, 19 e 20 de julho.

Greve
Reprodução APLB

A paralisação foi aprovada pela categoria em assembleia realizada

na terça-feira, 18. Esta é mais uma ação da APLB-Sindicato e dos

trabalhadores, que rejeitam a proposta de reajuste zero

apresentada pelo Executivo Municipal e permanecem na luta,

mobilizando a comunidade escolar e a população para a situação

de descaso em que se encontra a Educação municipal.

A direção da APLB-Sindicato repudia as ameaças de corte de

ponto e reafirma que os educadores municipais realizam um

movimento legítimo e justo em defesa de seus direitos e que nunca se recusaram em repor as aulas.

A direção sindical entende que, ao invés de retaliar trabalhadores

que lutam por seus direitos, a administração municipal deveria

retomar as negociações e apresentar uma proposta digna à

categoria.

“Temos compromisso com nossos alunos e estamos dispostos a repor as aulas, como sempre fizemos. Se a Secretaria e/ou o prefeito estão querendo cortar ponto, isso só demonstra a postura autoritária da gestão municipal. Se assim o fizerem, serão eles os responsáveis pela não reposição das aulas.”, alerta a professores Elza Melo, diretora da APLB.

A luta continua!

Nenhum direito a menos!

APLB-Sindicato dos Profissionais da Educação do Estado da Bahia

Comentarios

comentarios

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta