Manifestação contra reforma da Previdência deixa trânsito lento no Campo Grande

Manifestação contra reforma da Previdência deixa trânsito lento no Campo Grande

510
0
Manifestação
Manifestação

Manifestação contra reforma da Previdência deixa trânsito lento no Campo Grande

Após manifestação na região do Iguatemi, na manhã desta quarta-feira (15), um grupo faz caminhada no bairro do Campo Grande nesta tarde.

De acordo com a Transalvador, o protesto contra a reforma da Previdência deixa o trânsito lento também na Avenida Sete de Setembro, Garcia e ruas desse entorno.

O órgão de trânsito fechou vias nas proximidades desta região e recomenda que os condutores evitem essas localidades.

Ainda não há informações da quantas pessoas participam da manifestação.

Participam do ato representantes de entidades como Central Única dos Trabalhadores (CUT), Sinquimica, APLB Sindicato, Sincotelba, CTB, Sinpro-BA, Sinpojud, UGT e Asprof.

O protesto no Centro encerrou às 18h40, segundo a Central de Polícia.

Os manifestantes começaram a dispersar na Praça Castro Alves após chuva na região.

Iguatemi teve 1,5 mil manifestantes

Quem pegou a Avenida ACM para passar pela região do Iguatemi na manhã desta quarta-feira (15) enfrentou um grande congestionamento.

Um grupo de manifestantes bloqueou completamente, por volta

das 7h, o trânsito nas imediações do Shopping da Bahia, em

protesto pelo Dia Nacional de Luta Contra as Reformas

Previdenciária e Trabalhista.

A base móvel da Polícia Militar estimou 1,5 mil pessoas participando do protesto.

Por conta da dimensão do bloqueio, a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) desviou o trânsito da Avenida ACM, nas imediações do Hiper Posto, para a Pituba pelo Itaigara.

O trânsito na Avenida Bonocô também foi desviado para a Av. Luís Eduardo Magalhães.

Comentarios

comentarios

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta